Chorou, chora. E Chorão?

“Engraçadas” são as informações televisionadas nos jornais sensacionalistas. Crianças e adolescentes negros e pobres estão, na maioria das vezes, vinculados a algo ruim. A campanha da dengue é um exemplo disso. Três crianças negras estampadas nos outdoors ao lado da frase: “ Dengue mata.” Tudo bem que dengue mata, mas por que os negros estão vinculados à morte? É essa impressão que dá.

Hebe morre, Oscar morre, Canô morre , até Chorão morre. “ Como pode ser tragédia a morte de um artista, e a morte de milhões apenas uma estatística?” Diz o Mv Bill. O extermínio da juventude negra não é prioridade nas discussões nacionais. Vou falar disso com quem então? Meus amigos estão ocupados demais compartilhando fotos e músicas de algum artista que morreu.

Ninguém viu que o menino da Vila de Ponta Negra caiu. Ninguém viu que a menina da Liberdade foi assassinada. Quer dizer, ninguém chorou e nem chora. E Chorão?

 

Monique Evelle

Salvador, 06 de março de 2013